Meu carrinho

Finalizar

LA FEMME

"Os maiores letristas não saberiam o que dizer sobre elas.
e eu muito menos, mas quero tentar.
Se Almodóvar conhecesse Emma, seria a menina de seus olhos e em espanhol falaria sobre sua irreverência e magnetismo inevitável.
Charlotte é um poema. Toda flor dos pés a cabeça. Seus trejeitos e defeitos têm cheiro de orquídea-chocolate.
Mas o fato é: no mundo em que nasci não ha ninguém como Olivia. Ela é a minha, a sua e a nossa cara. É daquelas que se parece com todo mundo, mas ninguém está perto de se parecer com ela.
Agora… todo o charme de Jolie nasce da sua inconstância. Nunca perguntei, mas deve ser geminiana. O tal do equilíbrio perfeito.
Se pudesse eu escolher, diria que quero ser todas.
Olivia, Charlotte, Ema e Jolie.
Abrir meus botões, escrever a poesia mais cortante, dormir sozinha com todos os meus medos e acordar certa de tudo. Ouvir rock em doses homeopáticas, usar um batom vermelho e tirar antes de chegar no bar. Tomar um café forte e responder suas perguntas com a voz firme. Amar com todo o meu coração e depois sofrer com todo o meu coração. Pintar de novo a minha boca com aquele batom.
Perder algum tempo buscando o tesouro secreto em lugares absurdos só pra entender que: o mapa sou eu."
por Amanda Coronha

Ei você!

Não deixe de receber nossas novidades, bota seu email aqui!